AS MARAVILHAS DA TERCEIRA IDADE

atividade-fisica-terceira-idadeUma série de vantagens vem alimentando o dia-a-dia dos que passaram dos 60 anos. Meus amigos garantem que não abrem mão de todas elas, oferecidas pelo governo e a sociedade. Nos bancos e casas lotéricas, usam a fila privilegiada. No ônibus, só abrem mão dos lugares que lhes são reservados se alguma mulher grávida ou as de decote largo se aproximem. Ficaram velhos, mas continuam atentos. Inácio, meu simpático amigo, completara 60 anos recentemente e levou seu neto ao cinema, mas encontrou uma fila enorme para a compra de ingressos. Ele imaginou que pudesse ter uma fila especial para os velhinhos e foi pesquisar na bilheteria. E lá estava realmente uma placa apontando o local privilegiado, com apenas 3 pessoas à frente. E não foi só isso. Uma moça de uns 25 anos que estava ao lado da fila, falava para o cidadão que estava à minha frente: – “pai, não esqueça que você paga meia entrada por ter mais que 60 anos !”. Inácio não acreditou no que ouvia. Por ser uma quarta-feira onde os cinemas incentivam o preço da entrada, e por pagar meia ou ainda por ter ganho um cupom de desconto de 50% no filme anterior, Inácio e o neto pagaram, juntos, cinco reais e cinquenta centavos. Tudo terminaria bem para o bolso do alegre vovô se não existisse um tal de McDonalds e um tal de Planeta Bombom. Mas os ventos continuam soprando favoráveis para a turma da terceira idade. Uma revista semanal apontou, recentemente, a preferência de empresários por contratar profissionais com mais de 60 anos aproveitando toda a experiência e informação acumulada ao longo dos anos. Filmes sobre o assunto são exibidos em outros cinemas. Mas o meu amigo Inácio ainda tem a expectativa de que novas medidas sejam baixadas para seu deleite, como o “bolsa velhice”, um dinheirinho a mais na aposentadoria para fazer a alegria da velharada. Ou um desconto combustível para os que não aproveitam a benesse da gratuidade nos ônibus. Para que possam visitar os filhos e netos distantes, um descontão nas passagens aéreas. E, finalmente, àqueles que precisam, seria dado pelo menos um pacote de viagra por mês, porque mesmo na velhice, o amor continua lindo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s