O DALI DE LÁ

salvador-dalí

O pintor surrealista Salvador Dali, que tinha trabalhos também em outras artes como a poesia, o cinema, a escultura e a fotografia, reconhecido pela sua maneira teatral, excêntrica e extravagante de viver, faleceu em janeiro de 1989. Até ai, tudo bem. Viveu, revolucionou e morreu. A novidade, que está nos noticiários do mundo inteiro, é que seu corpo, ao ser exumado 28 anos depois de sua morte estava intacto e seu bigode, a mais forte característica de sua imagem, estava na mesma posição.  Este mesmo fenômeno aconteceu com o pai de minha amiga Cecília. Como teve morte prematura, ela só o conhecia pelas fotos. E quando exumaram o corpo, ele estava intacto, exatamente como faleceu e a emoção de Cecília, como podemos imaginar, foi enorme.

 

 

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s