NÃO TEM CHORO, NEM VELA!

Resultado de imagem para congresso nacional

Esta semana o Congresso vota a PL 28 que vai regulamentar o transporte privado no país. Vamos viver mais um momento de mal-estar onde pode prevalecer o interesse pessoal dos políticos, ao invés do bem-estar do cidadão. Fosse a sociedade ouvida e a PL 28 permitiria manter serviços como os da UBER e de outros aplicativos que vieram para mostrar a enorme diferença entre o serviço que prestam e os serviços porcos que o governo oferece na área de mobilidade. Ao invés de táxis velhos e imundos, motoristas também imundos e mal-educados, taxímetro veloz, a sociedade recebeu carros em bom estado, motoristas educados (mesmo que obrigados a isso pela avaliação que recebem a cada corrida) e um preço justo. E que virou, em muitos casos, uma opção ao desemprego no Brasil. Ao votar essa tal de PL 28, os deputados não podem esquecer que bons serviços precisam ser prestados a uma sociedade que paga impostos altos e recebe quase nada por isso. Precisam reconhecer a incompetência do governo na gestão do transporte público e os péssimos serviços prestados pelos táxis. Precisam lembrar – embora a soberba não lhes permita ver o Brasil como ele realmente é – que mais importante que ouvir a voz de seus amigos, políticos e  empresários detentores de frotas de táxis, precisam ouvir a nossa voz, usuários dos porcos serviços do governo e a mesma voz que será colocada nas urnas, através do voto. E aí, deputados, não tem choro e sem vela.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s